skip to Main Content

O presidente da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), Antonio Barra Torres, estimou nesta sexta-feira (18), durante sua participação na Live JR, que a vacina contra a covid-19 deve estar disponível para a imunização dos brasileiros nos primeiros meses de 2021.

“As estimativas vão sofrendo alterações ao longo do tempo e é, de fato, muito complicado dizer uma data específica, mas eu diria que os primeiros meses de 2021 seria algo razoável para nos prepararmos para ter essas respostas vacinais”, disse aos jornalistas Catarina Hong, Celso Freitas e Eduardo Ribeiro.

Para Torres, poder contar com uma imunização já no começo do ano que vem é “algo tão inédito quanto uma pandemia” nas proporções da atual. “Em tempos normais, um protocolo de desenvolvimento vacinal leva uma década ou mais do que isso”, explicou.

Questionado sobre qual vai ser a vacina adotada após a aprovação, Torres diz que é possível existir mais de um imunizante disponível no mercado brasileiro ao mesmo tempo. Atualmente, há quatro vacinas em análise no território nacional.

“A obtenção de um registro, não significa a interrupção do desenvolvimento das demais”, afirmou o presidente da Anvisa. “Muito provavelmente teremos mais do que uma”, avaliou ele.

fonte: noticias.r7.com/saude

Back To Top